Untitled Document Quinta-feira,   -  
 
Dicas de Saúde / Psicologia
 
O sonambulismo é mais comum em crianças ?
Visualizações : 1121
Sentar na cama, caminhar pelo quarto, ou até se vestir, abrir portas, mantendo os olhos abertos, fixos, sem expressão facial e ainda estar dormindo, é um ato que nos intriga. Na maioria das vezes o sonâmbulo volta a se deitar em poucos minutos. No dia seguinte não recorda do ocorrido, ou apenas de alguns fragmentos do epsódio.

É um fenômeno que afeta entre 5 a 10 das crianças na idade dos 5 aos 10 anos. Poucos permanecem até a vida adulta nestes, geralmente, o ato de sonambulismo se torna mais complexo, duradouro e algumas vezes a agressividade está presente.

Não se conhece a causa do sonambulismo; evidências apontam para uma base genética e em 80 dos casos há uma história familiar positiva. Nos adultos é importante investigar o uso de drogas neurolépticas em doses elevadas, que podem provocar episódios de automatismo e deambulação durante o sono.

Alguns pacientes com apnéia do sono podem deambular e falar dormindo. Nestes casos existe a história do ronco, os vários despertares durante o sono e sua ocorrência é comum na segunda metade do sono. Com o tratamento da apnéia, os automatismos regridem.

Sonambulismo não se trata de encenação do sonhos. Estudos de polisonografia mostram que ele ocorre em períodos do sono profundo, quando não acontecem os sonhos, sendo a explicação para o motivo de ser difícil despertar o sonâmbulo.

As crianças não necessitam tratamento, pois na maioria das vezes regride espontaneamente em pouco tempo é um fenômeno benigno. Aconselha se cuidados com portas, janelas e escadas para evitar acidentes. Não é recomendado despertar a criança, pois apenas ficaria confusa e voltaria se deitar em poucos minutos.

Nos adultos podem ser administradas drogas por curtos períodos, para suprimir as fases 3 e 4 do sono, com bons resultados. Em havendo distúrbios emocionais, aconselha se psicoterapia.

Carlos Boer neurologista (Londrina)
 
Fonte : Enviado pelo colaborador Dr. Arnaldo Contini Franco Publicado : 11/03/2011
Voltar
© 25/11/2007 - Paróquia São José / Diocese de Presidente Prudente SP - Fone (18) 3917 2500
Todos os Direitos Reservados.
Desenvolvido por Delorean Tecnologia em Sistemas de Informação
www.deloreantecnologia.com.br - Contato (18)3222 6348